Pesquisar este blog

terça-feira, 23 de outubro de 2012

ORIENTAÇÕES SOBRE AS AVALIAÇÕES DE REDE DE 2012


Encaminhamos as orientações relativas às Avaliações de Rede 2012, com o objetivo de informar a todos sobre o processo dessas avaliações, de forma a favorecer a tranquilidade necessária a seu êxito.
Dado o papel relevante destas avaliações e visando garantir o fluxo do processo, cada E/SUBE/CRE/GED deve indicar um Coordenador da Avaliação na CRE, que ficará responsável por acompanhar o processo nas escolas de sua coordenadoria, por facilitar o trabalho do Coordenador das empresas (CESPE e CAED) junto à E/SUBE/CRE e por encaminhar à E/SUBE/CED-Avaliação todas as situações que exijam pronta intervenção e o controle dos Ofícios que as escolas encaminharem relatando não aplicação de provas e problemas ocorridos na aplicação. A E/SUBE/CRE/GED deve enviar, até o dia 26 de outubro, para o e-mail antonio.augusto@rioeduca.net, o nome completo, a matrícula e os telefones de contato do Coordenador da Avaliação na CRE.
Enfatizamos que, no período previsto para a PROVA RIO e para o ALFABETIZA RIO, a escola não deve programar qualquer atividade extra para as turmas avaliadas. Se tal acontecer, não será justificativa para reaplicação.
ATENÇÃO: O índice mínimo de frequência para aplicação da prova será de 60%! Caso não haja esse mínimo, a aplicação será suspensa e sua reaplicação dependerá de justificativa imediata da escola, por Ofício, à E/SUBE/CRE, cujo Coordenador avaliará a situação, e, se julgar pertinente, encaminhará a solicitação, com seu aval, à E/SUBE/CED-Avaliação, que autorizará ou não a reaplicação junto à empresa responsável.
Lembramos a responsabilidade de divulgar o calendário das provas junto à comunidade escolar, estimulando a presença maciça dos alunos no dia dessas avaliações.
Informamos que as matrizes de referência para as provas, as mesmas do ano passado, estarão disponíveis para consulta na intranet, amanhã.

A) PROVA RIO:
1. A aplicação é da responsabilidade do CESPE/UnB. O supervisor da área ou o aplicador da escola não fará, obrigatoriamente, contato, já que há um dia definido para a aplicação acontecer em cada E/SUBE/CRE. Porém é preciso saber que, caso a aplicação não ocorra na data marcada, a escola deve estar preparada para a repescagem (nova aplicação) desde o dia seguinte até o dia 9 de novembro. Assim, é bom reforçar que a escola deve estar à disposição para essa aplicação no período de 5 a 9 de novembro, cabendo lembrar, ainda, que a PROVA RIO deste ano originará o IDERIO 2012.
2. Na PROVA RIO, nenhum material é entregue ou fica guardado na escola. Os aplicadores chegam e saem com o material. É necessário frisar que, por se tratar de uma avaliação de rede, não pode ser feita nenhuma cópia dos cadernos de prova.
3. A aplicação ocorrerá conforme o calendário abaixo:
- 05/11/12 – CRE 6 e CRE 8 (Somente aplicação de LP/MAT).
- 05/11/12 e 06/11/12 – CRE 1 e CRE 3 (LP/MAT e CIE).
- 06/11/12 e 07/11/12 – CRE 2, CRE 5 e CRE 10 (LP/MAT e CIE).
- 07/11/12 e 08/11/12 – CRE 4, CRE 7 e CRE 9 (LP/MAT e CIE).
- 08/11/12  - CRE 6 e CRE 8 (Somente aplicação de CIE).
- 09/11/12 – Repescagem.
É bom frisar que, num dia, os alunos farão prova de Língua Portuguesa e de Matemática (3º, 4º, 7º e 8º Anos), e, no outro, farão prova de Ciências (apenas 4º e 8º Ano). Haverá, também, um questionário para os alunos (3º, 4º, 7º e 8º Anos).
4. A aplicação deverá acontecer nos seguintes horários:
Manhã Intermediário Tarde
Escolas com 2 turnos 8:00h - 13:30h
Escolas com 3 turnos 8:00h 12:30h 15:30h
Escolas de Turno Integral 8:00h - -

5. Sinalizamos que, durante a aplicação, deverá haver a presença de um professor da escola na turma avaliada, com o objetivo de colaborar com a tranquilidade do processo, favorecendo assim um clima propício para que os alunos realizem a prova com sucesso. Só não podem estar na turma avaliada os professores de Língua Portuguesa e de Matemática, no dia destas provas, e o professor de Ciências, no dia desta prova. O professor não deve interferir na aplicação, mas colaborar com a disciplina em sala e observar o processo de aplicação.
6. No pacote de provas de cada turma, haverá provas extras, para eventuais alunos incluídos após a geração dos arquivos pelo SCA, o que ocorreu em agosto. Em caso de necessidade, poderão ser usadas também as provas dos alunos que tenham saído da escola e, em último caso, as provas extras de outra turma da própria escola.
7. Lembramos que há questionários a serem respondidos pelo Diretor, pelo Professor II (3º e 4º Anos), pelo Professor I de Língua Portuguesa e de Matemática (7º e 8º Anos) e pelo Professor I de Ciências (8º Ano), além do que será aplicado aos alunos. Haverá, também, um Relatório do Supervisor, que a Direção deverá validar.
7. Neste ano, além das provas, alguns estudantes responderão a um instrumento de avaliação de Raciocínio Abstrato e Espacial. Trata-se de uma pesquisa vinculada à Universidade de Brasília, sob a coordenação do Ms. Felipe Valentini e do Dr. Jacob Arie Laros, e sua realização foi autorizada pela Secretaria Municipal de Educação (SME). A aplicação dessa etapa terá duração de 30 minutos e será realizada no segundo dia da aplicação da Prova Rio, após a prova de Ciências. Ressaltamos que apenas 42 turmas de estudantes do oitavo ano participarão da pesquisa. Essas turmas foram selecionadas aleatoriamente dentre as CREs 01, 07 e 10.  Os pesquisadores responsáveis comprometeram-se a enviar os relatórios de desempenho para as escolas, para a CRE e para a SME. A relação de escolas participantes está em anexo a esta circular.
8. IMPORTANTE: Caso alguma escola não receba a aplicação da PROVA RIO no período de 5 a 9 de novembro, a direção da escola deverá fazer Ofício, comunicando o acontecido, e encaminhá-lo à E/SUBE/CRE no dia 12 de novembro, enviando, também, uma cópia digitalizada, por e-mail, para antonio.augusto@rioeduca.net. Caso seja constatada alguma irregularidade na aplicação da prova que possa interferir no resultado da escola, a direção da mesma deverá fazer Ofício, detalhando todo o acontecido, inclusive o nome e documento do aplicador, bem como o nome e matrícula do Professor que ficou em sala durante a aplicação, e encaminhá-lo à E/SUBE/CRE no dia imediatamente posterior ao da aplicação, enviando uma cópia digitalizada, por e-mail, para antonio.augusto@rioeduca.net. 

B) ALFABETIZA RIO: 
1. A aplicação é da responsabilidade do CAED da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF). O supervisor da área ou o aplicador da escola não fará contato anterior, já que há três dias definidos para a aplicação acontecer na Rede: 21, 22 e 23 de novembro. Porém é preciso saber que, caso a aplicação não ocorra na data marcada, do dia seguinte até o dia 28 de novembro poderá ocorrer a aplicação (repescagem). Assim, é bom reforçar que a escola deve estar à disposição para essa aplicação de 21 a 28 de novembro.
2. Os alunos farão prova de Escrita, de Leitura e de Matemática, uma a cada dia, nessa ordem.
ATENÇÃO: Para as provas, os alunos deverão ter à mão lápis (de preferência, mais de um, e com ponta) e borracha!
3. A aplicação deverá acontecer nos seguintes horários:
Manhã Intermediário Tarde
Escolas com 2 turnos 8:00h - 13:30h
Escolas com 3 turnos 8:00h 12:00h 15:30h
Escolas de Turno Integral 8:00h - -

4. No ALFABETIZA RIO, o material será entregue na E/SUBE/CRE, onde ficará guardado até o dia da aplicação da prova, quando o supervisor o pegará, e deverá ser devolvido à E/SUBE/CRE pelo supervisor até o último dia da aplicação. Na E/SUBE/CRE ficará, nos dias de aplicação, um coordenador do CAED. É necessário frisar que, por se tratar de uma avaliação de rede, não pode ser feita nenhuma cópia dos cadernos de prova.
5. Sinalizamos que, durante a aplicação, deverá haver a presença de um professor da escola na turma avaliada, com o objetivo de colaborar com a tranquilidade do processo, favorecendo assim um clima propício para que os alunos realizem a prova com sucesso. Só não pode estar na turma avaliada o professor dessa turma. O professor não deve interferir na aplicação, mas colaborar com a disciplina em sala e observar o processo de aplicação.
6. No pacote de provas de cada turma, haverá duas provas extras, para eventuais alunos incluídos após a geração dos arquivos pelo SCA, o que ocorreu em agosto. Em caso de necessidade, poderão ser usadas também as provas dos alunos que tenham saído da escola.
7. Lembramos que há questionários a serem respondidos pelo Diretor e pelo Professor II. 
8. IMPORTANTE: Caso alguma escola não receba a aplicação do ALFABETIZA RIO no período de 21 a 23 de novembro, a direção da escola deverá fazer Ofício, comunicando o acontecido, e encaminhá-lo à E/SUBE/CRE no dia 26 de novembro, enviando uma cópia por e-mail para antonio.augusto@rioeduca.net. Caso seja constatada alguma irregularidade na aplicação da prova que possa interferir no resultado da escola, a direção da escola deverá fazer Ofício, detalhando todo o acontecido, inclusive o nome e documento do aplicador, bem como o nome e matrícula do Professor que ficou em sala durante a aplicação, e encaminhá-lo à E/SUBE/CRE no dia imediatamente posterior ao da aplicação, enviando uma cópia por e-mail para antonio.augusto@rioeduca.net. 

Solicitamos ciência desta Circular a toda a comunidade escolar

Nenhum comentário:

Postar um comentário